Entrevista de emprego remota: dicas para recrutadores e candidatos

Os/as recrutadores/as e times de RH de diversas empresas estão tendo que se adaptar ao universo tecnológico. Ainda hoje, muitos/as profissionais dos Recursos Humanos não sabem como fazer ou não possuem experiência para entrevistar um candidato em um processo seletivo remoto. Mas isso precisa mudar!

Em decorrência da pandemia do coronavírus, muitos serviços foram digitalizados e isso pegou de surpresa departamentos que não estavam tão acostumados em realizar quase todo o trabalho à distância.

Saber como entrevistar um/a candidato/a em uma seleção online é um desafio e tanto para empresas que trabalham com um formato de RH tradicional, mas os/as próprios/as candidatos/as também enfrentam dificuldades para se preparar para os processos seletivos remotos.

Em ambos os casos, o primeiro passo é entender o que é o recrutamento remoto e como ele se tornará cada vez mais presente no mundo pós-pandemia. Temos dicas bacanudas aqui, tanto para os/as recrutadores/as quanto para os/as candidatos/as. 

O que é o recrutamento remoto e como entrevistar um candidato pelo computador

As entrevistas remotas são feitas pelo computador (ou outro dispositivo de acesso à internet) e à distância, por meio de aplicativos como Google Meet, Zoom ou Skype, por exemplo.

Com o uso da tecnologia, os/as recrutadores/as não precisam se encontrar pessoalmente com os/as candidatos/as, e vice-versa. Em um cenário de isolamento social, este modelo se torna muito conveniente, prático e seguro.

Porém, tudo indica que o recrutamento remoto é uma tendência que deve continuar depois que a pandemia de Covid-19 passar ou estiver controlada, principalmente quando os times de RH ganharem mais prática ao entrevistar um/a candidato/a com o suporte da tecnologia.

Assim como o home office, os processos seletivos virtuais serão mais econômicos, eficientes e produtivos para as empresas! Afinal, por que gerar custos com deslocamento, material, preparação de salas, dinâmicas e outras práticas comuns da entrevista presencial se o recrutamento pode ser remoto?

Na prática, muitos/as especialistas em RH já conduziam pelo menos parte do processo seletivo à distância e, depois, avançavam para o processo presencial, apenas com os/as candidatos/as aprovados/as na primeira etapa de seleção de currículos. Cerca de 30% dos contratantes já faziam isso, conforme pesquisa realizada pelo HRO Today.

Outros dados são interessantes para reforçar essa tendência. Segundo a Compleo ATS, 45% das empresas consultadas em um estudo confirmaram ter feito entrevistas por vídeo em seus processos seletivos.

Além da economia para a empresa, as entrevistas remotas são muito interessantes para conversar com candidatos/as que estão distantes da companhia, muitas vezes em outros Estados.

No momento, a chave para o RH está em identificar como entrevistar um/a potencial candidato/a em um processo seletivo 100% digital, usando apenas as ferramentas da tecnologia para chegar ao/a profissional ideal para a vaga disponível.

Neste caso, temos dois grupos interessados em obter o melhor resultado possível com o recrutamento remoto: os/as profissionais de RH e os/as candidatos/as que estão de olho nas vagas!

Por isso, vamos apresentar aqui dicas práticas para que esses dois públicos se saiam bem nesse novo modelo de contratação. A ideia é beneficiar a todos: a empresa, o/a candidato/a e o/a recrutador/a. Confira! 

Como os/as candidatos/as devem se preparar para entrevistas online

Para os/as candidatos/as, a preparação para a entrevista de emprego remota requer uma série de cuidados que serão importantes para aumentar as chances de contratação. Dá uma olhada!

Roupa ideal para a entrevista remota

Em primeiro lugar, a vestimenta deve ser adequada para a ocasião, de acordo com o fit da empresa contratante, seguindo o dress code esperado. Por isso, faça uma pesquisa sobre a empresa e se arrume corretamente para a ocasião, seja com uma camisa social ou com uma T-shirt básica. 

O que importa é prestar atenção para não confundir as coisas, já que não é aconselhável que você apareça desarrumado/a, com cabelo bagunçado e com uma roupa muito casual para um encontro online que exige certa formalidade.

Na dúvida, se vista para a entrevista online da mesma maneira que se vestiria para uma entrevista presencial.

Horário da entrevista remota

Preste atenção ao horário marcado e esteja na frente com computador ou com o smartphone nas mãos com, pelo menos, 5 minutos de antecedência, para não chegar ofegante.

Veja se a conexão de internet está normal

É recomendado checar a conexão com a internet antes de fazer a entrevista remota ou escolher o local da casa onde o sinal do wi-fi funciona melhor, por exemplo.

Se a conexão cair, atrapalha toda a reunião e compromete o resultado da entrevista. Seguramente, você não quer este tipo de problema colocando em risco sua oportunidade de trabalhar na empresa dos seus sonhos.

Ferramentas e outros detalhes técnicos

Pergunte aos/as recrutadores/as com antecedência quais serão as ferramentas utilizadas para a realização da entrevista. Faça a instalação delas alguns dias antes e realize testes para ver se estão rodando com perfeição, principalmente o áudio e o vídeo.

É importante saber alguns detalhes sobre as principais ferramentas, como Skype e Google Meet, antes do encontro, para mostrar que você tem certo domínio e sabe lidar com essa tecnologia.

Nome de usuário/a com credibilidade

Muitas pessoas criam o nome de usuário/a (nicknames) para uso não profissional. Em alguns casos, os nomes são tão antigos, da época da adolescência, que jamais se pensaria que eles poderiam ser utilizados para uma entrevista remota de emprego.

Por isso, verifique se o seu nome de usuário/a não apresenta algum apelido ou algo do tipo (como @eu_marcelinha15 ou @ricardo.palmeirense). Se este for o caso, crie uma conta para fins profissionais e utilize suas antigas para objetivos pessoais, como hobbies e relacionamentos.

Olhar para a câmera, sempre!

Durante a entrevista remota, procure manter os olhos fixos na câmera, pois é como se estivesse olhando nos olhos dos/as entrevistadores/as. Isso passa confiança e credibilidade nas respostas, mostrando que você está focado/a na entrevista.

Ambiente arrumado

Nas entrevistas remotas, é muito importante que o seu cenário seja organizado e clean. Ou seja, não apareça em um ambiente desarrumado, com tudo bagunçado atrás de você.

Também evite exageros no cenário, como peças que podem chamar mais atenção do que suas respostas e do que aquilo que você realmente tem a apresentar para os/as recrutadores/as, como brinquedos, pôsteres e outros objetos de decoração inusitados.

Se for o caso, mantenha apenas a parede como cenário. Não se esqueça de deixar o ambiente silencioso, fechando as portas e janelas. Também verifique se a iluminação é suficiente.

Além dessas dicas que são específicas para uma entrevista de emprego online, o comportamento do/a candidato/a deve ser parecido com aquele de uma entrevista feita pessoalmente.

Portanto, é preciso falar com clareza, responder as perguntas com objetividade e mostrar foco e comprometimento com a oportunidade que está sendo oferecida!

Dicas para a empresa contratar por meio de entrevistas remotas

Como podemos observar, não são apenas os/as candidatos/as que estão aprendendo a se organizar para as entrevistas remotas. Os times de RH também estão se adaptando para identificar como entrevistar um/a candidato/a pelo computador de forma mais eficiente. Veja as dicas!

Como entrevistar um/a candidato/a pelo Skype ou Google Meet

Domine bem as ferramentas de videoconferência, como Skype e Google Meet. Monte um questionário bem amplo, com as perguntas que você precisa fazer ao/a candidato/a, como:

  • Por quais motivos você quer trabalhar na nossa empresa?
  • Você já foi líder em algum projeto? Se sim, como foi seu desempenho?
  • Você trabalha seu autoconhecimento? De que maneira?
  • Como seus amigos e família se lembram de você?
  • Nos últimos cinco anos, o que você descobriu a seu respeito que ainda não sabia?
  • Por que enviou seu CV para nossa empresa e não para nossos concorrentes?
  • Na sua vida, qual foi sua decisão mais difícil?
  • Você prefere solucionar seus problemas sozinho/a ou com ajuda?

Para compreender como entrevistar um/a candidato/a de maneira mais produtiva em apenas um encontro online, é preciso criar um roteiro de perguntas com foco, especialmente nas soft skills.

O ideal é identificar se o/a profissional, mesmo à distância, consegue integrar times de vendas, design, marketing digital ou desenvolvimento de uma startup, empresa de tecnologia, entre outros players do mercado. Por isso, use perguntas que busquem respostas sobre comportamentos, compartilhamento de vivências e experiências pessoais. 

Redes sociais

Faz parte do recrutamento online que o time de RH observe o comportamento do/a candidato/a nas redes sociais, como as postagens recentes, comentários, fotos, entre outras publicações que revelam muito sobre a personalidade. Essas informações são muito valiosas para saber se a pessoa que está sendo cotada para a vaga se encaixa nos requisitos do fit cultural da empresa.

Hard Skills

No processo seletivo remoto, os/as entrevistadores/as podem contar com ferramentas específicas para avaliar as Hard Skills dos/as candidatos/as, como softwares que avaliam conhecimentos técnicos, testes que envolvem a execução de projetos mais elaborados, redações, simuladores baseados em gamificação, entre outros recursos.

Conheça o Gama Corp!

Se a sua empresa precisa de suporte para a realização de processos de recrutamento de talentos mais inovadores e pautados pelo uso de tecnologia, conheça o nosso programa Gama Corp!

twitterfacebooklinkedinyoutube-playinstagram